sexta-feira, 29 de julho de 2011

Quand la vie s’habille de fête...

Anne-Sophie Rutsaert - “Quand la vie s’habille de fête”



Quando a vida se veste de festa

 O dia põe as suas melhores cores

E a noite nunca vem de luto,

Enfeita-se de estrelas!


(Wania)

 




32 comentários:

  1. Fiz carinho especial para alguém que se foi a muito tempo, mas que deixou saudades para nós.
    Venha dar uma olhadinha,neste cantinho
    http://sandrarandrade7.blogspot.com/2011/07/um-homenagem-in-memoria.html
    Carinhosamente,
    Sandra

    ResponderExcluir
  2. fazer da vida uma festa é aquarela do olhar.

    ResponderExcluir
  3. As coisas não querem mais ser vistas por pessoas razoáveis:
    Elas desejam ser olhadas de azul
    - Que nem uma criança que você olha de ave.

    (Manoel de Barros)

    Muito belo, Wania! (me fez lembrar esse, do mestre Manoel, que ando relendo...)

    beijo

    ResponderExcluir
  4. gosto do astral da tua poesia...light ;)

    ResponderExcluir
  5. Escolheu as cores perfeitas para uma poesia sempre iluminada como a sua.

    Beijo, querida!

    ResponderExcluir
  6. Sandra querida!

    Linda homenagem ao HOD, já marquei minha presença lá no teu cantinho e no coração dele!

    Bjs

    ResponderExcluir
  7. Ribeiro


    E que da soma de todas, nós sempre encontremos o BRANCO da PAZ!

    Bjs coloridos pra ti, amigo querido

    ResponderExcluir
  8. Celso

    Se te fiz lembrar deste escritor tão amadico não posso ter recebido um elogio mais lindo: AMO Manoel de Barros!!

    Obrigada, meu amigo tão presente.

    Um bj e o meu carinho.

    ResponderExcluir
  9. Adriana

    Eu me sinto leve sabendo disto...


    Merci beaucoup,
    Pleins de bises!

    ResponderExcluir
  10. Doce Larinha


    Se vem de ti, eu acredito! Apesar de ser difícil escolher entre tantas, tão lindas e tão cheias de significados para mim :)


    Saudade grande,
    Bjinhos mil.

    ResponderExcluir
  11. suis MYRA, toujours comme ANONIMO,
    et je trouve que chaque fois tu nous donne un excellent haiku!!!!
    bises minha linda Wania, tenho a impressao que voce nao recebe meus comentarios, serà?

    ResponderExcluir
  12. Bonjour, Myra

    Je reçois tous vos commentaires, ma très chére!
    Merci pour votre attention...toujours!!


    Gros bisou.

    ResponderExcluir
  13. As vezes eu fico por aqui suspirando e nada mais e acabo sempre sorrindo segundos depois...

    bacio carissima

    ResponderExcluir
  14. Wania!

    A cada dia, seus versos azuis, ou em qualquer cor, se aprimoram e nos presenteiam. Vou passar o dia com esse poema na cabeça.

    Beijos

    Mirze

    ResponderExcluir
  15. Lunna

    "Ganho o meu dia" quando leio isso! :))))




    Bisou, ma très chére!

    ResponderExcluir
  16. Mirze, minha amiga


    Teus comentários são sempre um vento a favor!
    Então, um dia vestido de festa para colorir teus pensamentos...


    Obrigada pelo carinho de sempre,
    Bjks de todas as cores pra ti!

    ResponderExcluir
  17. E meus dias ficam vestidos pra festa quando leio teus doces e delicados poemas, Wania!

    Sopram cores por aqui esses teus ventos...

    Beijos, querida!

    Marlene

    ResponderExcluir
  18. Olá!!
    Estou conhecendo seu blog e adorando!

    Eu tenho tido muitos dias de festa, descobri como enfeitar a noite.

    Muito bom viu!Um beijo enorme e um ótimo sábado!

    Se puder, venha conhecer o Alma- meu blog!

    ResponderExcluir
  19. Tenho sentido falta das estrelas... Acho que preciso contemplar mais o céu!

    Beijos linda

    ResponderExcluir
  20. Um arco íris de estrelas
    enluarando no beiral
    da nossa janela
    nos cantando nos versos
    os segredos
    que nosso universo
    desvenda.

    Que lindo, Wania.

    Abraços, flores e estrelas...

    ResponderExcluir
  21. Sempre que venho aqui suas palavras me emocionam. :)

    Beijocas, querida!

    ResponderExcluir
  22. muito lindo isso, querida. dá até uma coceirinha no peito, deve ser a pontinha das asas que seus poemas fazem surgir no coração da gente ;)

    beijos
    G

    ResponderExcluir
  23. Marlene

    Que os ventos que sopram daqui sempre se encontrem com os ventos que vem do teu Quintal...


    Obrigada por tanta doçura!
    Bjs, amiga

    ResponderExcluir
  24. Bem vindo, Vinícius!

    Que o brilho das estrelas te sirva de farol...


    Fico muito feliz ao ler este teu comentário, obrigada pelo incentivo e pode deixar, vou sim conhecer o Alma!


    Porta sempre aberta pra ti por aqui,
    Bj

    ResponderExcluir
  25. Oii, Samara querida

    ... e nao existe nada melhor que descobrir os segredos cantados pelas estrelas!!!


    Teu comentário embala... lindo!

    Bjão carinhoso pra ti

    ResponderExcluir
  26. Ahhh, Cris


    ... mas quem traz as asas és tu! ;)

    Voo junto, sempre!



    Bj grande, feliz em te ver aqui.

    ResponderExcluir
  27. Gê Amadico


    Este teu coração já voa tão alto... e eu, quando quero alcançá-lo, passo lá no teu cantinho!:)


    Te confesso uma coisa, as tuas palavras foram perfeitas para descrever a minha sensação: eu tb criei asas no coração quando estava sentada embaixo das árvores no Jardim de Luxemburgo, no domingo passado, escutando um concerto de Chopin. A vida e eu nos vestimos de festa e dançamos e dançamos e dançamos...


    Bjão imenso, sempre!!

    ResponderExcluir
  28. Suzana querida

    Falta de estrelas é doença séria, mas por sorte o tratamento é simples...rsrsrs!


    Muito bom te ver por aqui,
    Bjinhos anoitecidos! ;)

    ResponderExcluir
  29. Seus poemas são estrelados e iluminam a todos nós, querida.
    Como é bom a vida em festa.

    bjbjbj
    Rossana

    ResponderExcluir
  30. Oi linda Wania
    faz um tempinho que nao vinha ver seus poemas tão maravilhosos, cheios de luz e ternuras.
    É o tempo nos sufocando,mas estamos por perto e com click chegamos , obrigada pela presença, sabes que me faz bem.
    Que a roupagem da vida seja aquela que vestimos quando vamos as festas, charmosa , chic e de muita beleza. E que as noites venham enfeitadinhas de estrelas , sem que nenhuma se perca.
    Belo poema!
    um bom abraço

    ResponderExcluir
  31. Rossana minha querida,


    Iluminada fico eu quando leio isso! :)



    Tua presença é sempre luz por aqui, não te esqueças nunca disso!

    Bjsssssss mil

    ResponderExcluir
  32. Lis querida,


    Então brindemos à VIDA e que ela se vista de festa todos os dias para todos nós!!


    Quanta saudade mesmo! Bom te ver de novo aqui, tua presença tb me faz muuuito bem!

    Bj imeeenso

    ResponderExcluir

"Uma palavra caída
das montanhas dos instantes
desmancha todos os mares
e une as terras mais distantes..."
(Cecília Meireles)

Que bons ventos te tragam mais vezes!