terça-feira, 18 de outubro de 2011

Ronrom...






Imagem tumblr





Por telhados aveludados

[ronrom]

Tudo é arriscado



... mas gatos caem sempre de pé


 (Wania)









22 comentários:

  1. Wania, vida louca essa que não deixa a gente com tempo. Adoro a forma como brinca com as palavras, com os sons, é mágico. Vou citar seu blog em um post amanhã, é uma pergunta sobre poesia, faz parte de um meme, posso né? Vou falar do Fogo Tango, já faz mais de um ano que publicou, e ele ainda me encanta.

    Grande beijo.

    ResponderExcluir
  2. >>Wania, perdão, a postagem é para o dia 20. Beijo.<<

    ResponderExcluir


  3. "Há garra, no risco..."

    Miei!

    :o)

    ResponderExcluir
  4. Wania,
    Por que as palavras são mais bonitas com(em) você? Um perigo perder-se no ronron.
    Girassóis nos seus dias. Beijos

    ResponderExcluir
  5. sou MYRA como Anonimo!
    ... e voce tambem...:))))
    lindo!beijossssssssssssssssss

    ResponderExcluir
  6. Lindo poema!
    Com sua permissão, os pés da moça foram para o blog "correspondente"...! Bjs e saudades!

    ResponderExcluir
  7. olá..

    estou seguindo o teu blog e te convido a visitar o meu.


    www.tasapreciacao.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. Olá Wania

    Adorei encontrar vc aqui na blogolândia. Sou Kinha do blog AMIGA DA MODA e vim conhecer seu espaço. Gostei e já estou te seguindo. Vou aguardar a sua visita e ficarei feliz se me seguir também.

    Bjooooooooooooo......................
    www.amigadamoda1.com

    ResponderExcluir
  9. ñ existiria gatos q cai-em-pé sem telhados e sem telhados ñ existiria chuva...na natureza tudo se completa em sua poesia!

    bjs de ...esquecimento rsrs
    ns

    ResponderExcluir
  10. Wania, adoro gatos rocando minhas pernas, rs.

    Bjao

    ResponderExcluir
  11. Luciano querido!

    Nem tenho palavras para agradecer o carinho e a tua admiração declarados no post dedicado ao meu ENCANTAVENTOS! Muito honrada em saber que aprecias as minhas poesias, logo tu, uma pessoa de extrema sensibilidade e com um "currículo" de leituras enoooorme.

    Essa poesia, particularmente, foi escrita enquanto ouvia a música Libertango/Astor Piazzolla. Tenho a mania de ouvir a mesma música por horas a fio e neste vai e vem de sons e melodias, foi saindo a poesia.

    Obrigada pelo estímulo e pela amizade que nos une.

    Bj no cuore,
    Wania

    PS: não pude ir ontem e nem te responder antes, o trabalho não permitiu, mas quero que saibas que tens porta aberta na minha casinha poética!

    ResponderExcluir
  12. Tonho...

    Há garra... com certeza e afiadas... rsrsrs! ;)))))))))



    Bjks!
    Miauuuuu

    ResponderExcluir
  13. Celina


    Booota perigo nisso... rsrsrs!


    Obrigada, amiga! És sempre um vento a favor por aqui.

    Bjs

    ResponderExcluir
  14. Myra, os telhados estão por todo lado... rsrsrs!



    Bjão, minha florzinha!

    ResponderExcluir
  15. Eduardo querido!

    Já passei pelos teus blogues e me senti muito honrada em fazer parte deles. Agradeci "in loco", mas não posso deixar de repetir aqui a minha alegria e satisfação ao ler as tuas tão generosas palavras a meu respeito. Saiba que a recíproca é mais que verdadeira, meu amigo! Aprecio demais a tua amizade!


    Bjáo imeeenso carregadinho de saudade tb!

    ResponderExcluir
  16. Oi, Thomas!

    Obrigada pela consideração, vou agorinha mesmo visitar o teu espaço, meu amigo!


    Bjs

    ResponderExcluir
  17. Oi, Kinha


    Sempre bem vinda! Bom saber que gostaste daqui, vou visitar a AMIGA DA MODA, pode ter certeza!


    Bj grande

    ResponderExcluir
  18. Nelson, tu és um querido! Generoso demais com os meus versinhos! A natureza é completa mesmo, a poesia só tenta traduzi-la...



    Bjs com amnésia... rsrsrs!
    Roooonrooooom ;)

    ResponderExcluir
  19. Georgia querida!


    Eu tb gosto de gatos... rsrsrs!


    Saudade, amiga!
    Bjão

    ResponderExcluir
  20. Ooooiii, Adriana!


    A gente dá umas miadas por aí...rsrsrs!



    Bom te ver aqui, minha querida!
    Bj grande

    ResponderExcluir
  21. Adorei isso.
    Ronronando por aqui...

    bjcas
    Ross

    ResponderExcluir

"Uma palavra caída
das montanhas dos instantes
desmancha todos os mares
e une as terras mais distantes..."
(Cecília Meireles)

Que bons ventos te tragam mais vezes!