segunda-feira, 8 de abril de 2013

Precipitações...

  

Imagem da internet






Fugindo da tristeza fina que não parava mais de cair

Entrei no primeiro sorriso aberto que encontrei

Nunca me arrependi

Teu céu tem hálito de terra molhada




(Wania)
 











9 comentários:

  1. Demorou, mas valeu a pena esperar, lindo. Bjs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Maca querido,

      Que bom que valeu!

      Bjão

      Excluir
  2. Lindo,Wania!Bom te rever! beijos,chica

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Chica, tb digo o mesmo! Sempre é bom te rever, amiga.

      Agradeço de coração.
      Bjs

      Excluir
  3. Quem poderia se arrepender de cair num sorriso aberto?
    Adorei, doutora.
    Bjcas saudosas

    Rossana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quem? Desconheço...

      Fico contente de te ver por aqui e mais ainda de saber que adoraste!
      Brigaduuuuu...
      Bjks

      Excluir
  4. Leveza poética :
    "Entrei no primeiro sorriso aberto que encontrei

    Nunca me arrependi"

    ResponderExcluir
  5. Olá!!!,belo blog amei sucesso, Deus seja contigo
    já estou te seguindo - OBRIGADO PELA VISITA.
    Curta e participe do meu blog e fan page, twitter, instagram...
    Blog: http://arrasandonobatomvermelho.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. Que texto mais bonito, Wania! realmente, teu talento já ne me surpreende mais... O que não me impede de aplaudi-la, sempre. Bravo, la doctoresse poétesse ! (ou serait-il le contraire?...)

    Grosse bise, salut!
    André

    ResponderExcluir

"Uma palavra caída
das montanhas dos instantes
desmancha todos os mares
e une as terras mais distantes..."
(Cecília Meireles)

Que bons ventos te tragam mais vezes!